Notícias H2.3

Ver todas

  • Mulher belga conduz por erro até à Croácia

    Uma mulher belga, de 67 anos, conduziu o seu carro até Zagreb, na Croácia, numa viagem de mais de 1450 quilómetros, enquanto queria fazer apenas 150 quilómetros para chegar a Bruxelas. A mulher diz que a causa deste erro, que lhe custou dois dias na estrada, foi devido a um problema no GPS.

    Sabine Moreau, uma cidadã belga de 67 anos, habitante da localidade de Solre-sur-Sambre, no centro da Bélgica, queria apenas ir buscar um amigo a uma estação de comboios em Bruxelas. Mas por causa de um erro no seu aparelho de GPS, acabou por viajar mais de 1450 quilómetros, e acabar a sua viagem na capital da república da Croácia, Zagreb.

    Nas suas próprias palavras, Sabine conta que estava apenas distraída, e por isso, continuava a acelerar e a seguir caminho. E que só se deu conta do seu erro de trajectória, quando começou a achar estranho que as placas de estrada pelas quais passava iam mudando a língua na qual estavam escritas. Primeiro, de francês para alemão, depois de alemão para esloveno, e finalmente, de esloveno para croata.

    Apesar de ter parado duas vezes durante a sua viagem, para reabastecer a viatura e para dormir, Sabine Moreau diz que não se apercebia que se estava a afastar tanto do destino pretendido.

    E entretanto, em casa, o seu filho já tinha denunciado o caso às autoridades belgas, que se encontravam já a ultimar os preparativos para iniciar uma busca pelo país para encontrar Sabine. Quando, finalmente, a distraída senhora decidiu telefonar para casa, a dizer que estava em Zagreb, na Croácia.

    Sabine Moreau já se encontra em casa, depois da sua viagem de mais de 60 horas na estrada que a levaram a percorrer grande parte da Europa central, sem se aperceber de onde estava.