Notícias H2.3

Ver todas

  • Teste da bailarina ou teste de perceção

    Para que lado está ela a rodar? No sentido dos ponteiros do relógio ou no sentido contrário?

    Aceda ao link abaixo, fixe a imagem e veja para que lado a bailarina roda. 

     

     

    http://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/2/21/Spinning_Dancer.gif

     


    Tem a certeza? Olhe mais um minuto.


    Se ela continuar a rodar para o mesmo lado, chame alguns amigos e veja o que eles dizem!
    Se o observador vê o pé esquerdo no chão, a bailarina está a rodar no sentido dos ponteiros
    do relógio, se o pé que vê no chão for o direito, ela roda no sentido contrário.

    Segundo alguns investigadores, se você vê a bailarina a rodar no sentido dos ponteiros do
    relógio significa que trabalha mais o lado direito do cérebro. Se, no entanto, a vê a rodar no
    sentido contrário ao dos ponteiros do relógio, utiliza mais o lado esquerdo.

    O hemisfério esquerdo detém a nossa parte racional, enquanto o direito é responsável pela
    nossa emoção e imaginação criativa
    Se não a conseguir ver a rodar no sentido dos ponteiros do relógio tente relaxar, pense em
    algo agradável e olhe novamente. 

     

    Caso não a consiga ver a rodar no sentido contrário ao dos ponteiros

    concentre-se firmemente como se tivesse um compromisso a cumprir ou faça
    mentalmente uma conta complexa.

     

    Esta obra, da autoria do designer japonês Nobuyuki Kayahara tem sido comentada por
    admiradores e céticos e ao que parece carece de provas científicas que a comprovem.


    Segundo alguns dados publicados, esta ilusão foi irresponsavelmente identificada como método
    científico para fazer testes de personalidade, supostamente determinando qual dos
    dois hemisférios cerebrais do observador é predominante no momento da observação.


    No entanto, seguindo os passos de visualização dados em cima, através dos exercícios de
    relaxamento e concentração racional consegue-se de facto ver a bailarina rodar em ambos os
    sentidos.


    Verdade ou não, não deixa de ser um facto bastante interessante e de extrema curiosidade.

     

    Vânia Oliveira

    Marketeer- ISCAP